quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Michelle Obama em: A caça.

Minha nossa, que barulho é esse?

Largo o notebook na sala e saio correndo para o quintal, o barulho não parecia ser somente do passeio matinal da minha gata Michelle, parecia um som de caça ao pássaro ou borboletas, perdi as contas de quantos animais a Michelle já trouxe de “presente” para mim.

-Michelleeee, cadê você? Eu vi quando você passou correndo!

O que eu pensava que era? Sempre fiquei impressionada com a velocidade daquela gata, provavelmente não iria conseguir achar nenhum vestígio dela e muito menos alcança-la.

Ao longe conseguia ouvir um som da mamãe pássaro desesperada a procura de seu filho amado, meu coração apertado por me sentir culpada em deixar a Michelle fazer o que quer da vida dela...esqueço que ela não é humana.

Finalmente consigo ver um vulto preto passar por mim e corro atrás, passa por mim novamente e pula a janela entrando no meu quarto, lá minha cachorra Mel dorme profundamente sem a menor vontade de defender o seu território.

Chego na cozinha e vejo Michelle Obama comendo sua ração na maior calma, sem pássaros, sem nada.

A mamãe pássaro a essa altura do campeonato já tinha desistido pois estava calada, ou desistiu ou achou sua cria ( espero que a segunda opção tenha ocorrido). Olho para a Michelle e decido enfim explicar mais uma vez:

-Michelle, você tem comida a vontade e eu sei que tem extinto de caçadora e tudo mais mas não pegue os filhinhos pássaros, corta o coração tá? Agora barata, rato e etc estão liberados!

- Miauuuuuuuuuuu?

Sai andando sem olhar pra trás, passa uns minutos, ela volta toda feliz jogando algo no meio da sala.

Uma linda borboleta azul que um dia foi feliz e livre.

Devo explicar sobre as borboletas também, por enquanto Michelle fica muito satisfeita em me presentear e mais uma vez resolve ir dormir deitando em cima da outra cachorra, Kessy, expulsando a mesma de sua cama.

Coisas de Michelle.

Imagem



Texto: Luana Barreto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário