sábado, 17 de maio de 2014

Não era amor

  Não era amor, amor nunca foi isso que tivemos, era só uma grande amizade que passou dos limites e eu fico grata por ter feito a melhor coisa: acabar com tudo.

  Quando você foi embora eu descobri que não estava sozinha, eu me sentia mais só quando estava com você. Minha vida começou a entrar nos eixos novamente e comecei a notar o quanto é importante estar ao lado de uma pessoa segura de si. Veja bem, não existem pessoas totalmente seguras mas existem pessoas que se permitem passar por cima de inseguranças, você só me trouxe mais delas, desculpa mas é a verdade.

  Já encontrei novos corações que me fizeram ir ao espaço e voltar a Terra, ultimamente eu sempre volto porque eu preciso pisar no chão, sei que ás vezes isso não é possível mas se ao menos eu evitar qualquer personalidade parecida com a sua já será ótimo. Sim, eu prefiro os errados, você senhor "certinho" não mudou a minha vida e mudanças são necessárias.

  Não é injusto, eu sou grata por todos os momentos felizes que eu sei muito bem que existiram e além do mais nem te culpo, a culpa é minha por ter entrado em uma fria quando no fundo eu sabia que você não era exatamente a alegria que eu queria, aliás, sorria mais!


Nenhum comentário:

Postar um comentário