quinta-feira, 5 de junho de 2014

Karol com K chegando em Veneza!



  Olá pessoas lindas, por enquanto quem está "falando" é a Luana mesmo, estou aqui para apresentar a nova categoria do blog o Diário de viagem. Para começar com a aventura vamos conhecer o olhar de mochileira da minha amiga Karolina Silveira, Karol e sim, com K. Ela já esta com seus pés no Brasil mas o coração dela agora tem um pouquinho de muitos lugares e não há nada mais inspirador do que conhecer a história de alguém, ainda mais se tratando de viagem não é?  Então let's go e bem - vinda Karol :)






  Sabe aquela frase “Marinheira de primeira viagem”? Foi isso que pensei quando peguei o passaporte e a passagem na mão, agora não tinha mais jeito, era hora de embarcar.

  Quando entrei no avião senti medo, não do avião, é claro!  Diga-se de passagem sempre gostei de viajar e fui aquela criança que tinha o sonho de ser aeromoça, mas voltando ao assunto principal, o medo era de chegar sozinha em um país e no momento de desespero esquecer todas as línguas, até mesmo o português!

  Confesso que nunca fui dramática ou até mesmo de ficar chorando mas assim que cheguei no aeroporto de Veneza tive aquela vontade louca de chorar, aleluia eu poderia esticar as pernas e sair daquele avião maldito,brincadeira!

  O medo tinha evaporado, e eu só conseguia sorrir... aquele sotaque italiano era música para os meus ouvidos, coloquei o mochilão nas costas, coloquei pra tocar “Red Hot Chili Peppers-Venice” e sai para curtir a cidade, hahaha. Queria eu que isso fosse verdade, mas não estou escrevendo um livro ou um roteiro de filme e nenhum italiano dos sonhos esbarrou em mim :(, a verdade foi que eu estava tão cansada só pensava em uma cama e meus planos começaram a dar errado no momento em que  percebi que estava  sem bateria no celular, em que raios eu estava pensando quando deixei isso acontecer? Uma dica valiosa: Quando você for viajar escreva o trajeto do aeroporto  até o hotel em uma folha e não fique dependendo só da tecnologia. Comprei um mapa e depois de algumas horas consegui a tão esperada cama.

  Veneza consegue superar nossas expectativas,  principalmente se você for em época de carnaval, sou apaixonada pelas máscaras e vestidos de época e no carnaval tem isso e mais um pouco!




  Os italianos são receptivos e simpáticos. A cidade é extremamente romântica e as gôndolas (aqueles barquinhos famosos em Veneza) dão um toque especial. Em falar em gôndola, vou avisar que se quiser andar em uma prepare o seu bolso, pois o preço é um pouco salgado. E eu como uma boa mochileira sem dinheiro não andei então não tenho o que falar sobre elas, mas por favor se alguém já andou me conte como foi!

  Vou relatar o que vale a pena ir ou gastar seu dinheirinho, é só uma mera opinião!
  Compre um gelato e se perca em Vezena.  Visite os pontos turísticos (Ponte di Rialto, Piazza San Marco, Basílica de San Marco, Campanile “Torre Veneziana”, Palazzo Ducale e Grande Canal) É lotado, mas vale a pena.

Basílica de San Marco 
Campanile Torre Veneziana

                                         

Campanile “Torre Veneziana
                                       

Palazzo Ducale

Palazzo Ducale

Palazzo Ducale


Grande Canal

Grande Canal


 Respire fundo e se divirta, Veneza vai te conquistar por si só!

Aceito de presente! 


 Antes de terminar esse relato vou ter  que confessar que a pizza de São Paulo é bem melhor do que a da Itália, desculpe decepcionar vocês!

  Beijos e até a próxima!





Nenhum comentário:

Postar um comentário