segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Elo

  


  Eu sonhei com você algumas vezes mas não acreditei que seria real.

  Agora eu sei que é mas também passei a conhecer a distância sem estar longe. Ela não foi construída por nós mas pela vida, porque o coração não mente nem escolhe muito bem, ele apenas sente e se descontrola à toa como se qualquer um fosse capaz de aguentar.

  Eu sei o que você sente, sei mais ainda como me sinto, ás vezes sou obrigada a mentir para mim para que eu não precise viver mergulhada em ilusão.

  Existe uma base aqui que é mais forte do que eu pensava. Vamos continuar brigando feio, vamos continuar nos afastando, vamos continuar caindo em arrependimento e no final sempre estaremos juntos, em algum lugar, de alguma forma.

  Eu já disse que você é raridade, a forma perfeita da amizade. Eu realmente te conhecia eu só não sabia onde estava, agora sei que sempre vai estar aqui.

  Amanhã eu já não sei onde os seus pés vão pisar, mas o que fica aqui é esse elo que é maior do que eu poderia imaginar.



  Texto: Luana Barreto.


Nenhum comentário:

Postar um comentário